Início » Sem categoria

Arquivo da categoria: Sem categoria

Anúncios

X Fórum de Migrações / VI Simpósio de Pesquisa Sobre Migrações

 

Anais (divulgação em julho/19)

 

banner-001.jpg

 

VI Simpósio de Pesquisa sobre Migrações reunirá entre os dias 21 e 23 de novembro de 2018, as principais pesquisas sobre migração no país. Com uma tradição de 10 anos, o Fórum de Migrações terá uma programação mais enxuta, de apenas 3 dias, e enfocará nas pesquisas que a pós-graduação, em suas mais variadas áreas, tem realizado acerca do tema.

Durante o Simpósio, a presença de migrantes e refugiados deve ocorrer de diversas formas. Até agora está confirmada uma apresentação teatral (quarta-feira às 20h) que incitará aos espectadores participação na trama, como ‘espect-atores’.

Após o término do prazo final para envio de resumos expandidos, em 10/09/18, a comissão organizadora dividirá os trabalhos em sessões temáticasque serão apresentadas a todos em um único espaço, metodologia já realizada nas edições anteriores e fomentadora de um diálogo interdisciplinar produtivo.

Lembramos que, como sempre, o evento é gratuito e se realizará no campus Praia Vermelha da UFRJ, localizado na Av. Pasteur, 250 (Urca), a alguns metros do bondinho e da acolhedora praia Vermelha.

Sejam bem-vindos ao Rio de Janeiro!

 

FÓRUM DE MIGRAÇÕES

PROGRAMAÇÃO
DO VI SIMPÓSIO DE PESQUISA
SOBRE MIGRAÇÕES 

Local: Auditório Prof. Manoel Maurício de Albuquerque (CFCH-UFRJ)

Campus Praia Vermelha

*avisos no final

 

21/11 (quarta-feira)

 

08h30: Abertura do evento

 

09h30: Mesa 1 – SUBJETIVIDADES E TERRITÓRIOS IDENTITÁRIOS

Os Imigrantes Japoneses na Construção do Bairro Oriental da Liberdade, na Cidade de São Paulo – SP: Transformações, Vida Comunitária e Territorializações (Henoch Gabriel Mandelbaum / PUC-SP)

La casa de papel(ão): a invisibilidade de quem se desloca pequeno e sem rumo (Caroline Trapp de Queiroz / UERJ)

Sentidos sobre “refugiado”: uma reflexão discursiva sobre a designação (Sabrina Sant’Anna Rizental / Unicamp)

Expectativas e reconhecimento no projeto migratório de senegaleses em Caxias do Sul/RS (Michel Houli Filho / UFRGS)

Novas e antigas diásporas: a relação entre os imigrantes senegaleses e árabes ao sul do sul do Brasil (Guilherme Curi / UFSM)

 

11h30: Mesa 2 – INTERCULTURALIDADE, EDUCAÇÃO E TRADIÇÕES

A Educomunicação como estratégia de acolhida e adaptação da criança imigrante: uma proposta inicial (Camila Escudero / Universidade Metodista de São Paulo)

Na fronteira entre Língua Estrangeira e de Herança – O Português como resgate identitário de jovens na comunidade brasileira fruto do movimento decasségui no Japão (Rafael Schuabb Poll da Fonseca / UERJ)

Crianças refugiadas congolesas no Rio de Janeiro: Travessias até a sala de aula e o amparo legal para incluí-las (Maicon Salvino Nunes de Almeida / UFRJ)

As crianças do Holocausto (Fernanda Capri Raposo / USP)

Olhares ‘extensionistas’ sobre ecossistemas comunicativos: produzindo o oestrangeiro.org (Otávio Ávila / PPGCOM-UFRJ)

 

13h30 – 14h30: intervalo para almoço com apresentação cultural

 

14h30: Mesa 3 – REFÚGIO E MIGRAÇÃO FORÇADA

Os migrantes internacionais forçados haitianos em Navegantes, SC (João Edson Fagundes / ASHAN-SC Associação dos Haitianos de Navegantes, SC e Angelo Ricardo Christoffoli / Universidade do Vale do Itajaí)

Vidas em movimento: refugiados, sofrimento psíquico e (re)invenções do cotidiano (Laura Cristina de Toledo Quadros e Fabiana Pan/ UERJ)

Copa dos refugiados: um refúgio no campo (Jessika Cardoso de Medeiros / UFF)

Emoção e o movimento: o medo e a esperança nas categorias deslocadas do refugiado e imigrante econômico (Thais Vivacqua Souza / PUC-Rio)

O Plano Estadual de Políticas de Atenção Aos (As) Refugiados(as) – PEAR – RJ: Direito Real ou Direito Declarado? (Denises Manhaes de Almeida / UERJ)

 

16h30: Mesa 4 – MOBILIDADES TRANSNACIONAIS, TERRITÓRIOS E IDENTIDADES

Contradições entre discursos e práticas no tocante ao acolhimento e integração dos refugiados venezuelanos no Brasil (Victória Figueiredo Machado / PUC-Rio)

A inserção Social de haitianos na sociedade brasileira (Dina Santos / UnB)

Consumo: uma prática de comunicação dos imigrantes haitianos na cidade de Joinville (SC). (Eliziane Meurer Boing / Univille; Mohammed ElHajji / UFRJ)

Migração e Tecnologia de Informação e Comunicação: pesquisa documental e netnográfica com migrantes (Carolina Tavares da Silva Louback)

Relacionamentos entre brasileiras e muçulmanos pela internet e seus impactos (Luana Mendonca Caravellas / UFF)

 

18h30: Mesa 5 – POLÍTICAS MIGRATÓRIAS E CIDADANIA

Apatridia: Humanização e garantia de direitos das pessoas “sem pátria” (Julia García Távora Menegaz / UFRJ)

Imigrantes Laborais e Familiares: A Seguridade Social no Brasil e a Relação com a Convenção da ONU (Maria Garcia / UFBA)

Considerações sobre o plurilinguismo e sobre a política de línguas em território fluminense (Rodrigo Pereira da Silva Rosa e Maycon Silva Aguiar / UFRJ)

Judicialização do Refúgio: A Ilegalidade das restrições via decreto das garantias reconhecidas na Lei do Migrante (Mário Saveri Liotti Duarte Raffaele e Telma Pinelli Nabak Sâmia / PUC-MG)

Controle de convencionalidade e Lei de Migração: Dos casos de extradição em contraponto a política de não-criminalização (Camila Bertelli Kodric e Carolina Calzolari Antonio / Centro Universitário Católico de Santa Catarina)

 

20h30: Encerramento

 

22/11 (quinta-feira)

 

08h30: Mesa 6 – SAÚDE E IMIGRAÇÃO

Saúde em trânsito: a construção da assistência aos refugiados na Atenção Primária no município do Rio de Janeiro (Ana Carolina Santos da Costa Maia / Instituto de Medicina Social – UERJ)

Magnitude da tuberculose em imigrantes no Brasil: Uma revisão integrativa (Denise Gonçalves, Domingos Alves e Antônio Ruffino Netto / Faculdade de Medicina – USP)

Possibilidades de se pensar a imigração como questão de saúde pública : o caso da Hospedaria da Ilha das Flores na transição do século XIX para o XX (Victor da Costa Santos / Fundação Oswaldo Cruz)

A política nacional de humanização e as percepções dos profissionais da saúde acerca dos imigrantes da região metropolitana de Londrina/PR (Higor Henrique Nogueira Gozzo / UEL)

Do Programa de Interiorização às implicações de suas exterioridades: investigações sobre territórios e subjetividades no trabalho em assistência e saúde com imigrantes venezuelanos (Andressa Carvalho Castelli e Cynthia Romão / USP)

 

10h30: Mesa 7 – TROCAS INTERCULTURAIS E ALTERIDADES

Migração e desenvolvimento: Haitianos no Brasil e suas contribuições (Roger Lucas Correa Martins / IESP-UERJ)

Cosmopolitismo em experiências de imigrantes nas cidades de São Paulo e Londres (Viviane Riegel / ESPM)

Ética en la investigación sobre inmigrantes: ¿Objetos o Interlocutores? (Corina Evelin Demarchi Villalón / Equipe de Base Warmis – Convergência das Culturas / EACH-USP)

Ressignificação Identitária mediada pela comida: o caso dos refugiados que migraram para a cidade do Rio de Janeiro (Conceição Aparecida Nascimento de Souza / UERJ)

 

12h40: Apresentação do livro ‘A menina que abraça o vento’ e sessão de autógrafos com Fernanda Paraguassu

 

13h30 – 14h30: intervalo para almoço com apresentação cultural

 

14h00: Mesa 8 – REFÚGIO E MIGRAÇÃO FORÇADA

Refúgio na metrópole e redes de hospitalidade: uma abordagem pós-estruturalista do refúgio urbano (Aline Rangel / IRI-PUC-Rio)

O Regime Internacional de Proteção aos Refugiados: Uma abordagem crítica. (Matheus Sousa Marques / PPGRI-UERJ)

A securitização da migração na Europa e o trabalho da União Europeia junto a Turquia no caso sírio (Patrícia Porto de Barros / IESP-UERJ)

Reflexões acerca do cotidiano de pessoas em situações extremas (Jessica Cunha de Oliveira)

Migración Masiva de venezolanos en Colombia: Cifras y Percepciones (Natalia Camila Garzón Sarmiento / UNILA)

 

16h00: Mesa 9 – INTERCULTURALIDADE, EDUCAÇÃO E TRADIÇÕES

Olhar psicanalítico sobre a segunda geração de filhos de dekasseguis no Japão (Cizina Célia Fernandes Pereira Resstel, José Sterza Justo e Mary Yoko Okamoto / Unesp)

“Sair de casa” para estudar: a experiência de ser migrante interestadual e universitário na UFF da planície goitacá (Gisele Maria Ribeiro de Almeida / UFF)

O fator linguístico no processo de integração de refugiados no Brasil (Ana Cristina Balestro / UFF)

Políticas linguísticas in vitro como instrumento de acolhimento a imigrantes em situação de vulnerabilidade social no Brasil (Pedrina Barros / UFF)

Migração venezuelana para Roraima: levantamentos e relatos preliminares de pesquisa (Débora Silva Brito da Luz / UFF)

 

18h00: Mesa 10 – ESTADOS, POLÍTICAS & FRONTEIRAS

Democracia Securitária e Biopolítica: Securitização da Imigração na União Europeia (Tiago Guimarães Marmund / PUC-SP)

Os impactos da crise da Venezuela no Brasil: questões humanitárias e transfronteiriças (Sarah Carvalho da Rosa / PPGRI-UERJ)

A migração infantil como instrumento da política externa de Cuba e dos Estados Unidos: o caso Operação Peter Pan (Thais Rosalina de Jesus Turial / UnB)

Campos dos Goytacazes no Estado Novo: notas sobre imigração judaica no Norte Fluminense (Yann Almeida Belmont Paula / UENF)

Responsabilidade de proteção aos migrantes econômicos como ajuda humanitária não-estatal. (Lara Góes / Escola Superior de Guerra)

 

20h00: Apresentação teatral do LEP – Laboratório de Estética e Politica da ECO-UFRJ: “Uma odisseia, apresentação de teatro-forum com cidadãos nacionais e refugiados” (Local: Vianninha – Praia Vermelha UFRJ)

 

23/11 (sexta-feira)

 

08h30: Mesa 11 – GÊNERO E IMIGRAÇÃO

Mulheres Migrantes no Rio de Janeiro (Mariana de Araujo Castro / PPDH-UFRJ)

Mães migrantes: religião e identidade em contexto globalizado (Suzana Ramos Coutinho / Universidade Mackenzie)

Migrações Sul-Sul: renegociações, trajetórias e estratégias migratórias de mulheres imigrantes no Brasil (Roberta Guimarães Peres / UFABC)

Migrações e território em uma perspectiva queer: reflexões a partir das categorias de diversidade sexual e de gênero (Henrique Rabello de Carvalho / UFRJ)

 

10h00: Mesa 12 – MIGRAÇÃO, IMPRENSA E COLETIVOS

A experiência diaspórica como forma de narrar e existir: uma análise narrativa acerca das temporalidades disjuntivas nas produções midiáticas de haitianos no Brasil (Daniel de Moura Pinto / UFSM)

Xenofobia versus acolhimento: manifestações de violência e iniciativas solidárias para migrantes venezuelanos na Colômbia e no Peru (Edgar Andrés Londoño Niño / IESP-UERJ)

Extinguir-se de um lado para nascer do outro: discursos (neo)orientalistas na autobiografia de um refugiado sírio (Daniele dos Santos de Souza / UFMT)

Nou pran wout la: dynamiques de la mobilité et des réseaux haïtiens (Mélanie Montinard / PPGAS-MN UFRJ)

Aproximações aos estudos sobre Big Data e Migrações (Leonardo Magalhães Firmino / PUC-Rio; María Del Carmen Villarreal / Unirio)

 

12h00 – 13h00: intervalo para almoço com apresentação cultural

 

13h00: Mesa 13 – ESTADOS, POLÍTICAS & FRONTEIRAS

Imigração haitiana na República Dominicana: violência estatal e apatridia (Giulia Georg e Juliana Camelo / ULB [Bélgica] e CAM [Brasil-RS])

A “lacuna discursiva” de Czaika e De Haas: uma leitura sobre o discurso anti-imigração em Roraima (Camila Barrero Breitenvieser e Juliana Moreira de Souza Tubini / FGV – EAESP)

As novas configurações do poder global e o fluxo migratório (Mariangela Moreira Nascimento / UFBA)

O compartilhamento de encargos (burden-sharing) entre Estados: a instrumentalização de políticas públicas estratégicas para equilibrar o maciço fluxos de imigração forçada (Rute Oliveria Passos, Dimas Duarte Pereira Júnior e Matheus Macedo Lima Porto / Universidade Tiradentes)

A nova lei de migração brasileira (Mariana Carvalho Ferreira / UFRJ)

 

15h00: Mesa 14 – FLUXOS MIGRATÓRIOS: ESTUDOS COMPARATIVOS

Tendências contemporâneas da emigração brasileira para Portugal (Sue Coccaro / Universidade de Lisboa)

Políticas Migratórias e Fluxos Populacionais: um Estudo de Caso de Brasileiros na Grã-Bretanha (Julio D’ Angelo Davies / UFF)

Establisheds and outsiders: migrantes venezuelanos que chegam pelo Estado de Roraima (Letícia Vieira da Silva / NEPP-DH UFRJ)

A atual crise dos refugiados na Europa: O caso na Alemanha sob a perspectiva securitária (Beatriz Santana Vieira Santos / Unesp)

Distintas Visões sobre o Brasil e a Bolívia: Primeira e Segunda Geração de Imigrantes Bolivianos (Jhosely Micaela Seminario Valero / UFFRJ)

 

17h00: Mesa 15 – TROCAS INTERCULTURAIS E ALTERIDADES

Pesquisando migração e migrantes: entrevista e etnografia em foco (Lidiane Maciel / Universidade do Vale do Paraíba)

Candombe: invisibilidades migratórias (Nadia Ayelén Medail / ISP Joaquín V. González)

O que é o humano? Paradigma da semelhança x paradigma da diferença (Jorge Luiz Veschi / UFRJ)

Migrando durante a infância: as vozes dos personagens O Menino Mais Novo e O Menino Mais Velho em Vidas Secas de Graciliano Ramos (Nilva Oliveira dos Santos / UNIFAP)

Por uma escola intercultural (Gabriela Azevedo de Aguiar / EICOS-UFRJ)

 

19h00: Mesa 16 – POLÍTICAS MIGRATÓRIAS E CIDADANIA

Tensões normativas na aplicação de normas do Direito dos Refugiados e do Direito dos Povos Indígenas aos refugiados indígenas dos povos Warao e E’ñepa no Estado de Roraima (Rickson Rios Figueira / UFRR)

Mobilização do trabalho imigrante em São Paulo: um estudo sobre intermediação e usos do trabalho (Marcus V. G. C. de Campos Bicudo / USP)

A vulnerabilidade e desproteção do trabalhador imigrante no mercado de trabalho brasileiro (Graziela Greco da Silva / Centro Universitário Ritter dos Reis – UNIRITTER)

Entre a soberania e o princípio do non-refoulement – perspectivas para efetivação dos direitos humanos para refugiados (João Paulo Santana Melo / Universidade Tiradentes)

A política interna brasileira para refugiados (Isadora D’Avila Lima Nery Gonçalves / UFF)

 

21h00: Encerramento

 

ATENÇÃO, PARTICIPANTE!

  • Cada apresentação deverá durar, no máximo, de 12 minutos. Após o término de cada mesa abriremos para participação dos ouvintes.
  • Haverá recursos audiovisuais disponíveis no auditório.
  • Eventualmente, a ordem das apresentações e das mesas podem ser modificadas para acolhermos da melhor forma os participantes.

 

Arte simpósio (português)

Arte simpósio (espanhol)

Arte simpósio (inglês)

Arte simpósio (francês)

 

Capa manual visitante

Acesse o manual e conheça mais sobre o Rio de Janeiro, cidade sede deste evento.

 

Equipe organizadora:

Coordenação Geral
Mohammed ElHajji
Catalina Revollo Pardo

Comissão Organizadora
Paulo Cesar Castro
Gabriela Azevedo Aguiar
Otávio Cezarini Ávila
Catarina Gonçalves
Suzana Mallard
Maria del Carmen Villarreal Villamar
Guilherme Curi
Leonardo Magalhães

Extensionistas
Ana Luiza Petacci
Juliana Martinez
Mayra Bragança
Myla Guimarães
Rafael Freitas
Vitoria Barbosa

PET-ECO
Anna Beatriz Vargas
Beatriz Custódio
Beatriz Lima
Carolina Nalin
Gabriela Mendonça
Henry Fragel
Isabelle Pellegrino
Manuella Caputo
Mariana Barbalho
Mariana Paz

Arte
PET-ECO
Nathalia Barbosa
João Paulo Rossini

 

Anúncios