Início » .. Programação

.. Programação

Anúncios

 

FÓRUM DE MIGRAÇÕES

PROGRAMAÇÃO
DO VI SIMPÓSIO DE PESQUISA
SOBRE MIGRAÇÕES 

Local: Auditório Prof. Manoel Maurício de Albuquerque (CFCH-UFRJ)

Campus Praia Vermelha

*avisos no final

 

21/11 (quarta-feira)

 

08h30: Abertura do evento

 

09h30: Mesa 1 – SUBJETIVIDADES E TERRITÓRIOS IDENTITÁRIOS

Os Imigrantes Japoneses na Construção do Bairro Oriental da Liberdade, na Cidade de São Paulo – SP: Transformações, Vida Comunitária e Territorializações (Henoch Gabriel Mandelbaum / PUC-SP)

La casa de papel(ão): a invisibilidade de quem se desloca pequeno e sem rumo (Caroline Trapp de Queiroz / UERJ)

Sentidos sobre “refugiado”: uma reflexão discursiva sobre a designação (Sabrina Sant’Anna Rizental / Unicamp)

Expectativas e reconhecimento no projeto migratório de senegaleses em Caxias do Sul/RS (Michel Houli Filho / UFRGS)

Novas e antigas diásporas: a relação entre os imigrantes senegaleses e árabes ao sul do sul do Brasil (Guilherme Curi / UFSM)

 

11h30: Mesa 2 – INTERCULTURALIDADE, EDUCAÇÃO E TRADIÇÕES

A Educomunicação como estratégia de acolhida e adaptação da criança imigrante: uma proposta inicial (Camila Escudero / Universidade Metodista de São Paulo)

Na fronteira entre Língua Estrangeira e de Herança – O Português como resgate identitário de jovens na comunidade brasileira fruto do movimento decasségui no Japão (Rafael Schuabb Poll da Fonseca / UERJ)

Crianças refugiadas congolesas no Rio de Janeiro: Travessias até a sala de aula e o amparo legal para incluí-las (Maicon Salvino Nunes de Almeida / UFRJ)

As crianças do Holocausto (Fernanda Capri Raposo / USP)

Olhares ‘extensionistas’ sobre ecossistemas comunicativos: produzindo o oestrangeiro.org (Otávio Ávila / PPGCOM-UFRJ)

 

13h30 – 14h30: intervalo para almoço com apresentação cultural

 

14h30: Mesa 3 – REFÚGIO E MIGRAÇÃO FORÇADA

Os migrantes internacionais forçados haitianos em Navegantes, SC (João Edson Fagundes / ASHAN-SC Associação dos Haitianos de Navegantes, SC e Angelo Ricardo Christoffoli / Universidade do Vale do Itajaí)

Vidas em movimento: refugiados, sofrimento psíquico e (re)invenções do cotidiano (Laura Cristina de Toledo Quadros e Fabiana Pan/ UERJ)

Copa dos refugiados: um refúgio no campo (Jessika Cardoso de Medeiros / UFF)

Emoção e o movimento: o medo e a esperança nas categorias deslocadas do refugiado e imigrante econômico (Thais Vivacqua Souza / PUC-Rio)

O Plano Estadual de Políticas de Atenção Aos (As) Refugiados(as) – PEAR – RJ: Direito Real ou Direito Declarado? (Denises Manhaes de Almeida / UERJ)

 

16h30: Mesa 4 – MOBILIDADES TRANSNACIONAIS, TERRITÓRIOS E IDENTIDADES

Contradições entre discursos e práticas no tocante ao acolhimento e integração dos refugiados venezuelanos no Brasil (Victória Figueiredo Machado / PUC-Rio)

A inserção Social de haitianos na sociedade brasileira (Dina Santos / UnB)

Consumo: uma prática de comunicação dos imigrantes haitianos na cidade de Joinville (SC). (Eliziane Meurer Boing / Univille; Mohammed ElHajji / UFRJ)

Migração e Tecnologia de Informação e Comunicação: pesquisa documental e netnográfica com migrantes (Carolina Tavares da Silva Louback)

Relacionamentos entre brasileiras e muçulmanos pela internet e seus impactos (Luana Mendonca Caravellas / UFF)

 

18h30: Mesa 5 – POLÍTICAS MIGRATÓRIAS E CIDADANIA

Apatridia: Humanização e garantia de direitos das pessoas “sem pátria” (Julia García Távora Menegaz / UFRJ)

Imigrantes Laborais e Familiares: A Seguridade Social no Brasil e a Relação com a Convenção da ONU (Maria Garcia / UFBA)

Considerações sobre o plurilinguismo e sobre a política de línguas em território fluminense (Rodrigo Pereira da Silva Rosa e Maycon Silva Aguiar / UFRJ)

Judicialização do Refúgio: A Ilegalidade das restrições via decreto das garantias reconhecidas na Lei do Migrante (Mário Saveri Liotti Duarte Raffaele e Telma Pinelli Nabak Sâmia / PUC-MG)

Controle de convencionalidade e Lei de Migração: Dos casos de extradição em contraponto a política de não-criminalização (Camila Bertelli Kodric e Carolina Calzolari Antonio / Centro Universitário Católico de Santa Catarina)

 

20h30: Encerramento

 

22/11 (quinta-feira)

 

08h30: Mesa 6 – SAÚDE E IMIGRAÇÃO

Saúde em trânsito: a construção da assistência aos refugiados na Atenção Primária no município do Rio de Janeiro (Ana Carolina Santos da Costa Maia / Instituto de Medicina Social – UERJ)

Magnitude da tuberculose em imigrantes no Brasil: Uma revisão integrativa (Denise Gonçalves, Domingos Alves e Antônio Ruffino Netto / Faculdade de Medicina – USP)

Possibilidades de se pensar a imigração como questão de saúde pública : o caso da Hospedaria da Ilha das Flores na transição do século XIX para o XX (Victor da Costa Santos / Fundação Oswaldo Cruz)

A política nacional de humanização e as percepções dos profissionais da saúde acerca dos imigrantes da região metropolitana de Londrina/PR (Higor Henrique Nogueira Gozzo / UEL)

Do Programa de Interiorização às implicações de suas exterioridades: investigações sobre territórios e subjetividades no trabalho em assistência e saúde com imigrantes venezuelanos (Andressa Carvalho Castelli e Cynthia Romão / USP)

 

10h30: Mesa 7 – TROCAS INTERCULTURAIS E ALTERIDADES

Migração e desenvolvimento: Haitianos no Brasil e suas contribuições (Roger Lucas Correa Martins / IESP-UERJ)

Cosmopolitismo em experiências de imigrantes nas cidades de São Paulo e Londres (Viviane Riegel / ESPM)

Ética en la investigación sobre inmigrantes: ¿Objetos o Interlocutores? (Corina Evelin Demarchi Villalón / Equipe de Base Warmis – Convergência das Culturas / EACH-USP)

Ressignificação Identitária mediada pela comida: o caso dos refugiados que migraram para a cidade do Rio de Janeiro (Conceição Aparecida Nascimento de Souza / UERJ)

 

12h40: Apresentação do livro ‘A menina que abraça o vento’ e sessão de autógrafos com Fernanda Paraguassu

 

13h30 – 14h30: intervalo para almoço com apresentação cultural

 

14h00: Mesa 8 – REFÚGIO E MIGRAÇÃO FORÇADA

Refúgio na metrópole e redes de hospitalidade: uma abordagem pós-estruturalista do refúgio urbano (Aline Rangel / IRI-PUC-Rio)

O Regime Internacional de Proteção aos Refugiados: Uma abordagem crítica. (Matheus Sousa Marques / PPGRI-UERJ)

A securitização da migração na Europa e o trabalho da União Europeia junto a Turquia no caso sírio (Patrícia Porto de Barros / IESP-UERJ)

Reflexões acerca do cotidiano de pessoas em situações extremas (Jessica Cunha de Oliveira)

Migración Masiva de venezolanos en Colombia: Cifras y Percepciones (Natalia Camila Garzón Sarmiento / UNILA)

 

16h00: Mesa 9 – INTERCULTURALIDADE, EDUCAÇÃO E TRADIÇÕES

Olhar psicanalítico sobre a segunda geração de filhos de dekasseguis no Japão (Cizina Célia Fernandes Pereira Resstel, José Sterza Justo e Mary Yoko Okamoto / Unesp)

“Sair de casa” para estudar: a experiência de ser migrante interestadual e universitário na UFF da planície goitacá (Gisele Maria Ribeiro de Almeida / UFF)

O fator linguístico no processo de integração de refugiados no Brasil (Ana Cristina Balestro / UFF)

Políticas linguísticas in vitro como instrumento de acolhimento a imigrantes em situação de vulnerabilidade social no Brasil (Pedrina Barros / UFF)

Migração venezuelana para Roraima: levantamentos e relatos preliminares de pesquisa (Débora Silva Brito da Luz / UFF)

 

18h00: Mesa 10 – ESTADOS, POLÍTICAS & FRONTEIRAS

Democracia Securitária e Biopolítica: Securitização da Imigração na União Europeia (Tiago Guimarães Marmund / PUC-SP)

Os impactos da crise da Venezuela no Brasil: questões humanitárias e transfronteiriças (Sarah Carvalho da Rosa / PPGRI-UERJ)

A migração infantil como instrumento da política externa de Cuba e dos Estados Unidos: o caso Operação Peter Pan (Thais Rosalina de Jesus Turial / UnB)

Campos dos Goytacazes no Estado Novo: notas sobre imigração judaica no Norte Fluminense (Yann Almeida Belmont Paula / UENF)

Responsabilidade de proteção aos migrantes econômicos como ajuda humanitária não-estatal. (Lara Góes / Escola Superior de Guerra)

 

20h00: Apresentação teatral do LEP – Laboratório de Estética e Politica da ECO-UFRJ: “Uma odisseia, apresentação de teatro-forum com cidadãos nacionais e refugiados” (Local: Vianninha – Praia Vermelha UFRJ)

 

23/11 (sexta-feira)

 

08h30: Mesa 11 – GÊNERO E IMIGRAÇÃO

Mulheres Migrantes no Rio de Janeiro (Mariana de Araujo Castro / PPDH-UFRJ)

Mães migrantes: religião e identidade em contexto globalizado (Suzana Ramos Coutinho / Universidade Mackenzie)

Migrações Sul-Sul: renegociações, trajetórias e estratégias migratórias de mulheres imigrantes no Brasil (Roberta Guimarães Peres / UFABC)

Migrações e território em uma perspectiva queer: reflexões a partir das categorias de diversidade sexual e de gênero (Henrique Rabello de Carvalho / UFRJ)

 

10h00: Mesa 12 – MIGRAÇÃO, IMPRENSA E COLETIVOS

A experiência diaspórica como forma de narrar e existir: uma análise narrativa acerca das temporalidades disjuntivas nas produções midiáticas de haitianos no Brasil (Daniel de Moura Pinto / UFSM)

Xenofobia versus acolhimento: manifestações de violência e iniciativas solidárias para migrantes venezuelanos na Colômbia e no Peru (Edgar Andrés Londoño Niño / IESP-UERJ)

Extinguir-se de um lado para nascer do outro: discursos (neo)orientalistas na autobiografia de um refugiado sírio (Daniele dos Santos de Souza / UFMT)

Nou pran wout la: dynamiques de la mobilité et des réseaux haïtiens (Mélanie Montinard / PPGAS-MN UFRJ)

Aproximações aos estudos sobre Big Data e Migrações (Leonardo Magalhães Firmino / PUC-Rio; María Del Carmen Villarreal / Unirio)

 

12h00 – 13h00: intervalo para almoço com apresentação cultural

 

13h00: Mesa 13 – ESTADOS, POLÍTICAS & FRONTEIRAS

Imigração haitiana na República Dominicana: violência estatal e apatridia (Giulia Georg e Juliana Camelo / ULB [Bélgica] e CAM [Brasil-RS])

A “lacuna discursiva” de Czaika e De Haas: uma leitura sobre o discurso anti-imigração em Roraima (Camila Barrero Breitenvieser e Juliana Moreira de Souza Tubini / FGV – EAESP)

As novas configurações do poder global e o fluxo migratório (Mariangela Moreira Nascimento / UFBA)

O compartilhamento de encargos (burden-sharing) entre Estados: a instrumentalização de políticas públicas estratégicas para equilibrar o maciço fluxos de imigração forçada (Rute Oliveria Passos, Dimas Duarte Pereira Júnior e Matheus Macedo Lima Porto / Universidade Tiradentes)

A nova lei de migração brasileira (Mariana Carvalho Ferreira / UFRJ)

 

15h00: Mesa 14 – FLUXOS MIGRATÓRIOS: ESTUDOS COMPARATIVOS

Tendências contemporâneas da emigração brasileira para Portugal (Sue Coccaro / Universidade de Lisboa)

Políticas Migratórias e Fluxos Populacionais: um Estudo de Caso de Brasileiros na Grã-Bretanha (Julio D’ Angelo Davies / UFF)

Establisheds and outsiders: migrantes venezuelanos que chegam pelo Estado de Roraima (Letícia Vieira da Silva / NEPP-DH UFRJ)

A atual crise dos refugiados na Europa: O caso na Alemanha sob a perspectiva securitária (Beatriz Santana Vieira Santos / Unesp)

Distintas Visões sobre o Brasil e a Bolívia: Primeira e Segunda Geração de Imigrantes Bolivianos (Jhosely Micaela Seminario Valero / UFFRJ)

 

17h00: Mesa 15 – TROCAS INTERCULTURAIS E ALTERIDADES

Pesquisando migração e migrantes: entrevista e etnografia em foco (Lidiane Maciel / Universidade do Vale do Paraíba)

Candombe: invisibilidades migratórias (Nadia Ayelén Medail / ISP Joaquín V. González)

O que é o humano? Paradigma da semelhança x paradigma da diferença (Jorge Luiz Veschi / UFRJ)

Migrando durante a infância: as vozes dos personagens O Menino Mais Novo e O Menino Mais Velho em Vidas Secas de Graciliano Ramos (Nilva Oliveira dos Santos / UNIFAP)

Por uma escola intercultural (Gabriela Azevedo de Aguiar / EICOS-UFRJ)

 

19h00: Mesa 16 – POLÍTICAS MIGRATÓRIAS E CIDADANIA

Tensões normativas na aplicação de normas do Direito dos Refugiados e do Direito dos Povos Indígenas aos refugiados indígenas dos povos Warao e E’ñepa no Estado de Roraima (Rickson Rios Figueira / UFRR)

Mobilização do trabalho imigrante em São Paulo: um estudo sobre intermediação e usos do trabalho (Marcus V. G. C. de Campos Bicudo / USP)

A vulnerabilidade e desproteção do trabalhador imigrante no mercado de trabalho brasileiro (Graziela Greco da Silva / Centro Universitário Ritter dos Reis – UNIRITTER)

Entre a soberania e o princípio do non-refoulement – perspectivas para efetivação dos direitos humanos para refugiados (João Paulo Santana Melo / Universidade Tiradentes)

A política interna brasileira para refugiados (Isadora D’Avila Lima Nery Gonçalves / UFF)

 

21h00: Encerramento

 

ATENÇÃO, PARTICIPANTE!

  • Cada apresentação deverá durar, no máximo, de 12 minutos. Após o término de cada mesa abriremos para participação dos ouvintes.
  • Haverá recursos audiovisuais disponíveis no auditório.
  • Eventualmente, a ordem das apresentações e das mesas podem ser modificadas para acolhermos da melhor forma os participantes.

 

Anúncios

3 Comentários

  1. […] Veja abaixo a programação, organizada por dia e horário – de manhã acontecem os debates referentes ao Fórum; na parte da tarde as discussões são ocupadas pelos temas a serem apresentados no Simpósio – são 83 pesquisadores no total, que vão apresentar artigos sobre os mais diversos temas relacionados às migrações. Mais informações podem ser obtidas por meio do site oficial do evento. […]

  2. Muito importante evento que amplia a visibilidade sobre o tema das migrações,

  3. Maria Morais - Babi disse:

    Por gentileza, gostaria muito de ter acesso aos artigos do evento, pois infelizmente não pude comparecer!

    Seria possível?

    Um abraço e obrigada, Maria.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: